Página inicial / Infraestrutura

Fazenda Palmares

Conheça mais sobre esta Fazenda

A Fazenda Palmares (Lat. 11°48’49,004″ S e Long. 45°38’41,990″ W), localizada em Barreiras (BA), possui 31.011 hectares de área total, sendo 16.195 ha próprios e 14.816 ha arrendados. Sua área plantada na safra 2019/20 foi de 23.139 hectares. 

Onde estamos

Saiba como chegar à Fazenda Palmares

Saindo de Luís Eduardo Magalhães (BA) pela rodovia BR 242 no sentido Tocantins, após rodar 20 km virar à direita pegando a BA 460 em direção a Palmas (TO). Rodar 45 km e no trevo que dá acesso à rodovia BA 459, virar à direita e seguir por mais 27 km. Nesse ponto é visível a placa indicando a entrada da Fazenda cuja sede está 3 km à direita.

Rodovia BA 459, s/n, Km 131 + 4km à direita. Estrada do Café. Barreiras (BA). CEP 47.819-899

 



Vista aérea da Fazenda Palmares


Histórico, projetos e pesquisa

Histórico

A Fazenda Palmares foi adquirida em 2008 e passou por um processo de reestruturação predial para adequar-se ao padrão da SLC Agrícola. A Fazenda conta com uma equipe de 257 colaboradores fixos. A cidade mais próxima que mantém apoio logístico à Unidade é a cidade de Luís Eduardo Magalhães (BA). A Fazenda Palmares possui 3 sedes nas quais mantém alojamentos, refeitório, setor de manutenção e balança, mas é na sede principal (Palmares II) que fica o gerenciamento da Fazenda.

Projetos Sociais

Em 2017 a Fazenda Palmares inaugurou o Espaço de Inclusão Digital. O objetivo dessa iniciativa é democratizar o acesso à tecnologia e educação a distância, levando os colaboradores para a era digital e do conhecimento, com o propósito de proporcionar a todas as pessoas o acesso às tecnologias de informação e comunicação (TICs). Os voluntários da Fazenda também cultivam uma horta que gera renda para a APAE, amparando 200 alunos.

Pesquisa

A Fazenda Palmares dispõe de uma área de aproximadamente 136 ha destinados a ensaios de campo onde são avaliados o comportamento e a resposta das culturas agrícolas a diferentes tratos culturais, manejo de nutrição, controle de pragas, doenças e plantas daninhas, assim como a avaliação contínua no aparecimento de novas cultivares, variedades, híbridos e biotecnologias disponíveis no mercado.